14 outubro 2016

CLIPPING: UM TRABALHO QUE VALEU OURO

Márcio atuou durante cinco meses nos equipamentos olímpicos
Além dos funcionários que participaram dos Jogos Rio 2016 pelo programa Servidor Olímpico ou como voluntários, ainda tivemos, claro, um grande contingente de força de trabalho da prefeitura que foi deslocada para áreas olímpicas e paralímpicas. E para representar esse enorme grupo, conversamos com o Márcio Rogério da Silva, servidor da Secretaria Municipal de Saúde. Auxiliar de Controle de Endemias, Márcio pôde contribuir diretamente na prevenção de casos de Dengue, Chikungunya e Zika nas áreas de competições.

Servidor há 13 anos, Márcio conta que essa foi uma experiência única em sua trajetória no Município. "Foi uma experiência muito boa, pois pude ver como o nosso país recepcionou os atletas de várias nacionalidades com amor e tentando acertar de todas as formas para que tudo desse certo. E deu. No meu trabalho, fui muito ajudado tanto pela meu coordenador, Marcus Vinícius, no nível central, como pelo gerente da CAP 5.1 setor operacional, Vanderlei Araújo. Realizamos um trabalho de eliminação de criadouros, colocação de armadilhas (ovitrampas), além de mensagens educativas com os trabalhadores locais antes, durante e dois dias depois das Olimpíadas e Paralímpiadas", conta.

E o resultado de tanto trabalho? Áreas sem mosquitos! "Ver um local com alguns problemas, ter o apoio para conseguir solucionar e, no final, ouvir o coronel do exército dizer que, desde quando eu cheguei, os mosquitos sumiram foi algo que nunca vou esquecer. Tudo estava acontecendo de forma positiva, nenhuma ocorrência médica era notificada ou alguma enfermidade em relação a mosquitos. A paramédica entregava a cópia destas notificações para que eu entregasse à gerência da SMS. Eu antes perguntava à doutora se havia suspeita de Dengue, Chikungunya ou Zika e ela dizia que não. Ou seja, foram cinco meses de muito trabalho, mas também de muita alegria com os resultados. Tudo virou felicidade e, em um momento de tranquilidade no trabalho, ainda pude assistir a uma final em que uma atleta iraniana levou a medalha de Ouro. Foi um espetáculo inesquecível", encerra.

Fonte: Prefeitura do Rio de Janeiro. Portal do servidor. Disponível em: <http://www.rio.rj.gov.br/web/portaldoservidor/exibeconteudo?id=6461856>. Acesso em: 14 OUT. 2016.