27 agosto 2012

Clipping: MUNICÍPIO DE ABAETETUBA, PA, TEM SURTO DE DOENÇA DE CHAGAS

Dos 35 casos registrados no Pará em 2012, Abaetetuba tem 11 casos.
A suspeita é que os casos estejam relacionados ao consumo de açaí.


O município de Abaetetuba, no nordeste do estado, está com um surto de doença de Chagas. Dos 35 casos registrados no Pará em 2012, a cidade registrou 11. A suspeita é que as ocorrências estejam relacionadas ao consumo de açaí.

“Estamos com um surto recente no município de Abaetetuba. Nós temos cerca de 11 pessoas que estão doentes, incluindo um batedor de açaí e duas pessoas da sua família. Então sabemos que este número vai aumentar. A vigilância sanitária e epidemiológica do município tem trabalhado e nós, como estado, estamos supervisionando essas ações”, explica Elenild Góes, coordenadora estadual da doença de Chagas.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o Pará ainda é o estado com o maior número de casos da doença no Brasil. Em 2011, foram registrados 141 casos. De janeiro a agosto de 2012, a secretaria já somou 35 casos.

A pesquisadora Ana Maria Guaralda explica que o causador da doença, o protozoário “tripanosoma cruzi”, é muito resistente e pode sobreviver no açaí congelado. “O congelamento não interrompe essa transmissão. O açaí contaminado, mantido a temperatura de -20°C durante 24 horas, é capaz de matar camundongos”, afirma a pesquisadora.

Um dos métodos para evitar a contaminação da doença é o preparo adequado do açaí. Ele deve passar pela peneira, ser lavado três vezes em água corrente e depois ficar de molho em hipoclorito por 20 minutos. Antes de ser batido, o açaí ainda deve passar por um processo de branqueamento, que consiste em mergulhar os caroços em água a 80°C por 10 segundos, em seguida, resfriar o fruto novamente.

Disponível em: <http://g1.globo.com/pa/para/noticia/2012/08/municipio-de-abaetetuba-pa-tem-surto-de-doenca-de-chagas.html>.Acesso em: 27 ago. 2012