28 março 2012

Clipping: VACINA CONTRA A DENGUE SERÁ TESTADA EM HUMANOS EM SP

Segundo governo, 300 voluntários participaram do teste que durará um ano

Uma vacina contra a dengue será testada em humanos a partir de junho em São Paulo. O Instituto Butantan utilizará 300 voluntários, entre 18 e 50 anos de idade, que serão recrutados a partir de abril para os testes. 

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde, o teste avaliará a segurança e se a vacina imunizará o vírus. A expectativa é que ela proteja contra os quatro tipos de vírus da doença após a administração de apenas uma dose. 

Os resultados serão obtidos no primeiro ano de análises, mas todos os voluntários serão acompanhados por um período de cinco anos após a vacinação, de acordo com o governo. 

A estimativa é de que a vacina esteja disponível para a população daqui a três anos. 

Para o diretor médico do Ensaios Clínicos do Instituto Butantan, Alexander Precioso, a vacina mostrou resultados em estudos anteriores. 

- A vacina já se mostrou segura e imunogênica em estudos anteriores.

Atualmente, o único método de prevenir e combater o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, é a eliminação dos criadouros e possíveis focos de transmissão. Não há vacina disponível. 

O Instituto Butantan, órgão da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, em parceria com o Centro de Pesquisas Clínicas do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina, iniciará até junho os ensaios clínicos da vacina contra a dengue. 

Queda 
O número de casos de dengue no Estado de São Paulo caiu 93% em 2012 em comparação com o mesmo período do ano passado, segundo o balanço preliminar da Secretaria de Estado da Saúde com base em boletim produzido pelo CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado). 

De janeiro até a última semana houve 2.247 casos autóctones (com transmissão dentro do estado) de dengue. No mesmo período do ano passado houve 32.549 casos confirmados da doença. AA queda ocorre apesar da entrada do vírus do tipo 4 da dengue no Estado, em 2011. 

A cidade de Guaratinguetá, no Vale do Paraíba, lidera o número de casos informados à Secretaria pelo Sinan, com 408, seguida pelo município de Pontal, com 300, e Potim, com 200. As regiões do Vale do Paraíba, Ribeirão Preto e Araraquara concentram 67% do total dos casos de dengue no Estado, com 1.350 confirmações. 

Até o momento foi confirmada uma morte por dengue no município de Pontal, região de Ribeirão Preto, ocorrida em janeiro. No passado houve 50 mortes ocasionadas pela doença e, em 2010, 140 mortes por dengue. Dos 645 municípios do Estado de são Paulo, 490 não registraram nenhum caso da dengue até agora.

Disponível em: <http://noticias.r7.com/saude/noticias/vacina-contra-a-dengue-sera-testada-em-humanos-em-sp-20120328.html>.Acesso em: 28 mar. 2012